233224_orig

Me escuta depois que eu morrer | Luísa Nóbrega

24/08/2014

Residência 4 de agosto a 3 de outubro.

No dia 4 de agosto, Luísa Nóbrega chegou em Campinas para sua residência no Instituto Hilda Hilst e no Ateliê Aberto, através de um edital do Centro Cultural São Paulo. Conheça a proposta da artista, que desde quarta-feira está em silêncio.

.me escuta depois que eu morrer. | Luísa Nóbrega

.proposta de ação. Passar dois meses em silêncio quase absoluto; só usar a voz para fazer perguntas aos mortos.. Alternar dois métodos diferentes de EVP*: 1. gravar programas de rádio, bem como o som de estática quando nenhuma estação específica estiver sintonizada; e 2. deixar um gravador conectado a um microfone em um espaço silencioso. Ouvir as gravações. Procurar identificar vozes e frases em meio aos ruídos. Editar as gravações. Tomar notas.

*Electronic voice phenomena (EVP)

Imagem | soberba e penitência ou os sapatos vermelhos.
(haughtiness and penitence or the red shoes / 2010)
Para mais informações desse trabalho acesse:
http://www.luisanobrega.com/soberba-e-penitecircncia-ou-os-sapatos-vermelhos.html

www.luisanobrega.com


Deixe um comentário